ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sábado, 26 de outubro de 2013

QUANDO NÃO ESTARÃO MAIS SÓS



Quando não estarão mais sós
Nívea Moraes Marques

“Naquela noite fui só minha”
Vera Marins

Quando observo meus pés
eles caminham sós
e a rota que eles traçam
é luta
é chão
Percorro o rastilho de pele
como se meu corpo só pertencesse
a mim
E Deus a habitá-lo em todas as horas
as do descanso
as da labuta
Essa terra que percorro
É terra boa
É terra santa
O vento vem e briga com os meus segredos
E leva e já não existe mais nenhum
Meu coração em postas costura por dentro
a esperança
 de comer em compotas a vitória desse encontro: pé ante pé
Como agora, como nunca, como quando não estarão mais sós
(embora a cada dia conhecerão mais e mais a solidão que me constrói)

Nenhum comentário: