ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

UM TETO PAZ E AMOR

A palavra não dita
Nívea Moraes Marques


A palavra não dita causa escoriações pelo meu corpo
Como se caísse de uma longa escada
Que liga o plano ao morro
Morro nesses dias em que gasto palavras
Com o fazer dinheiro
(E tão pouco)
Dinheiro não compra palavra
Palavra não compra dinheiro
Fujo desse destino torto
Enveneno palavras com sangue são
Para que em hemorrágica cena
Se esparramem
No chão do não
Nada do que se decompõe
Em notas
Eu traduzo em terços as minhas palavras
Que não estão á venda
São bicicletas de aluguel
Piparote
Doce de leilão de quermesse
E sob as bênçãos de Deus
Ainda me permitirão
Um teto, paz e amor.

Nenhum comentário: