ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sexta-feira, 22 de julho de 2011

DENSIDADE ZERO



Densidade do sonho

Nivea Moraes Marques



"a densidade
menor que a do ar."

João Cabral de Melo Neto




Conjugo viagens para o centro

de mim mesma



E fico pensando como é besta

um sonho que não cede



Meu Deus me olha

e constrói com cristais

mil sorrisos pra mim

mil sorrisos de mim



Onde moram meus anjos?



Amo minhas crianças mais que a Deus

E os quero amar

como que passe

através

meu amor de Deus



Tantos medos de por isso

perder-me deles

(O primeiro mandamento

é a minha primeira queda

é o meu primeiro laço

é por onde talvez

meus pés descalços

passeiem sobre os canteiros

das flores cultivadas

por Deus

e então Coloridos e cheirando jasmins

pisam o chão com a firmeza

de um dia acatar com doçura

as estreitas margens do céu)



E o meu sonho dorme um pouquinho

essa tensão que não cede

afrouxa

retesa

e nunca se lacera



A cada hora, confirma-se a hora certa

a hora esperada

meu olhar lambido pede o que nem avista

e finge não se importar com a falta

com a fala muda

com a realidade farta

com tanto peso que nem ao ar

sequer se impõe

como se fosse espaço

como se fosse queda

como se fosse apenas anjo

de saiote bordado.

Nenhum comentário: