ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sábado, 1 de janeiro de 2011

ANO BOM

2011
Nivea Moraes Marques


“há sempre um copo de mar
para um homem navegar.”

Jorge de Lima


Como um círculo que não tem começo nem fim. (Embora saibamos, desde muito cedo, que haverá sim um fim...)

Mas estamos no começo. E começo a me perguntar o que se tem para começar, o que se tem para navegar.

Meu barco segue rumo. Rumo por quê? Rumo pra quê? Rumo...

Detesto estar ao vento, mas quando sopra o Espírito Santo é para águas mais profundas que devo seguir.

Parto como se não tivesse nada, nem um começo, nem uma tarefa, só enxergo águas, mar, sal, ventos, lua, sol, chuva, e nem sinal de terra. (não quero aportar, não quero chegar...)

Parto com força de navegante, parto com força de pescador, parto para não mais retornar (mas sei que é destino retornar, sei que é destino...)

Retornar é nunca. E nunca é tempo. E tempo é mar. E mar é água. E água é tudo. E tudo é Deus.

Meu significado secreto é uma flor que nunca murcha. Meu significado sagrado é uma rocha que nunca rola. Meu significado é um hoje amarelo, é um sol que emerge de meus lábios, que mesmo em silenciosa solidão, sabe que a flor é tudo (e que tudo é Deus...)

Um comentário:

Camila Marques disse...

Nini,

o blog ficou lindo! Singelo e suave...
Feliz ano novo, blog novo, vida nova!
Muitas vibrações positivas nesse 2011 que nasce já sorrindo!
Um abração!

Cacá