ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sábado, 7 de novembro de 2009

SANGUE ILUMINADO

Espinhos
Nivea Moraes Marques

"(...)
espinhos estrelados
e os cachos do meu sangue iluminado"
Ariano Suassuna


No rosto coroado de Jesus
os espinhos não doeram menos.
Contudo, banhados neste sangue são
recuperaram a sua própria natureza:
ser no caule o espeto da flor.

domingo, 1 de novembro de 2009

SUA VOZ DESENHA EM MIM

Goiabeiras
Nivea Moraes Marques



Tua voz desenha em mim goiabeiras. Dentro do teu corpo, ela caminha por pátios abertos e pinga chuvinha doce em meus ouvidos.

Fico surda a vários outros sons, mas não soluciono os porquês da tua vida ao te ouvir.

Sei que tens passeado e andado e corrido e rastejado neste mundo que não é só teu.

Mas ignoro tantas outras informações que te digam respeito.

Moço de espécie temperada de cujos gostos as bordadeiras têm dúvidas.

Moço de espécie em construção, cosido aos pedaços.

Dentro dos dias, suspeito uma vontade de estarmos a sós. Sem palavras. Apenas juntas as nossas mãos, as laterais dos nossos rostos...

Mas viveríamos ainda a atualização de Montéquios e Capuletos?

Ou o nosso teatro é ainda uma peça sem invenção?

Tudo vai ficando tão pálido nas paisagens que vão adiante e se impõem, que apenas quero sonhar de olhos fechados e em silêncio (ainda não sei que música posso cantar pra você).

Quando nos aproximamos brevemente, sinto que nada faz sentido, mas é bom.

Adubo o teu interesse com um desdém completamente involuntário, deixando que a vida tome o seu tempo para os sonhos que podemos ter.