ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

domingo, 1 de março de 2009

CÁLICE DE LICOR

Cheiro de Sangue
Nivea Moraes Marques


“A mulher e o toureiro
têm em comum o cheiro
de sangue no esmero da roupa”
Aldir Blanc


Bebo a rosa chá que prendes
Descuidada
Em teus cabelos

Respingam gotas líquidas
Da essência extinta
Que a rosa traz

Dentro do corpo da rosa
O corpo da mulher

O tempo murchará a ambas
e o segredo da essência extinta
só nos cabelos restarão traços,
como num cálice de licor.

Nenhum comentário: