ESTRELA DAS ÁGUAS BLOG DE LITERATURA INFANTIL

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

ANJO-ÍNDIO-LEÃO


Anjo-índio-leão
Nivea Moraes Marques

Para meu segundo sobrinho e afilhado Pedro



“Eu queria dar ao menino
umas asinhas de arame e algodão.
Mas ele diz que não pode ser anjo,
Pois todos já sabem que ele é índio e leão.”
Cecília Meireles


Esse indiozinho falta pouco faz um ano
Ele ri de mansinho e
Com as mãozinhas abrindo e fechando
Ora diz tchau, ora diz vem!

É leãozinho da tia
E quase nem sabe chorar
Ruge um pouquinho na hora da fome
E come tudinho
Pra ter força de homem

Meu anjinho se fez rocha
E ampara meus sonhos
Com suas asas no ar

Pedro, Pedrinho
Tem dois dentinhos

Pedro, Pedrinho
é tão gordinho

Indiozinho, leãozinho, anjinho
Cresce bem devagarinho
e deixa pelo avesso a costura de suas fantasias
Quando Pedro nasceu,
graças a Deus eu já estava curada da depressão,
e ele é como uma aliança de Deus comigo para a felicidade.
Ele é o arco-íris depois do dilúvio.
Pedro é uma jóia rara e a tia também te ama muito Pedroca!!!!

Nenhum comentário: